Centro Mineiro de Toxicomania

Endereço
Alameda Ezequiel Dias, 365
Santa Efigênia
Belo Horizonte (MG)
CEP 30130-110

Linhas de ônibus
3302A, 3302B, 4405, SC04B, 82, 85, 33, 9032, 9034.

Telefone
(31) 3217-9000


Direção
Roberta Pádua Moraes
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
(31) 3217-9041


Perfil assistencial

O Centro Mineiro de Toxicomania (CMT) é cadastrado no Ministério da Saúde como Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Outras Drogas (CAPS AD). Sua prática se sustenta no cuidado e atenção àqueles que fazem uso prejudicial de álcool e/ou drogas, alinhado aos princípios da Reforma Psiquiátrica Brasileira, assim como pela Portaria 3.088/2011, que institui a Rede de Atenção Psicossocial (RAPS), e pela Portaria 130/2012, que redefine o CAPS AD. A unidade também atua para a promoção do cuidado integral, por meio de articulações com dispositivos presentes no território.

No contexto da Rede de Atenção Psicossocial, é responsabilidade do CMT organizar a atenção às urgências na unidade, para que atenda à demanda referenciada espontânea. O CMT é, também, referência para as regionais Centro-Sul e Leste de Belo Horizonte - funcionando de maneira articulada com a rede assistencial (municipal e estadual) para garantir a integralidade do atendimento, especialmente nas linhas de cuidado prioritárias definidas pela Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte (SMSA-BH), Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) e Ministério da Saúde.

Trata-se de um serviço de funcionamento por 24 horas, com portas abertas das 7 às 19 horas. Não é necessário agendamento prévio.

Leito de Desintoxicação e Repouso: Indicado para quadros de intoxicação, casos de síndrome de abstinência leve a moderada e casos que necessitam de observação mais próxima.

Permanência Dia: Dispositivo indicado para casos que necessitam de acompanhamento mais próximo. Funciona diariamente, em dois turnos, e é indicado a partir do Projeto Terapêutico Singular (PTS). Inclui a oferta de oficinas terapêuticas, atividades externas e demais ações da atenção psicossocial.

Acompanhamento Ambulatorial: Oferta de tratamento para casos de menor gravidade em situações que não necessitam de acompanhamento mais intensivo.

Hospitalidade Noturna: Dispositivo que acolhe os usuários em crise, com maior gravidade e com necessidade de acompanhamento intensivo em período noturno.


Histórico

Criado em 1983 pela Fhemig, o CMT foi inicialmente um ambulatório que tinha como proposta oferecer atendimento individualizado ao paciente. Começou pelo tratamento por psicanálise e com o tempo se aperfeiçoou em saúde mental, com a inserção de novos profissionais e ampliação do local.